Bahia

Homem é condenado a mais de 20 anos por feminicídio de servidora do Detran-BA

Foto: Divulgação

Em julgamento desta sexta-feira (26), o réu confesso do feminicídio da ex-companheira foi condenado a 20 anos, dois meses e sete dias de prisão. A condenação de Jailson Santos Mendonça ocorre após quatro anos do crime que vitimou Maridalva da Silva Gonçalves.

Conforme o G1, a servidora do Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-BA), em Salvador, chegava no trabalho quando foi atacada por golpes de faca. O acusado não aceitava o fim do relacionamento. O crime foi cometido pelo então ex-companheiro dela, Jailson Santos Mendonça, que não aceitava a separação.

Após esfaquear a ex-companheira, Jailson tentou se matar com veneno para rato, mas foi impedido por seguranças do Detran e levado o Hospital Geral do Estado (HGE).

O acusado foi condenado em júri popular, por homicídio quadruplamente qualificado: pelo motivo torpe; emprego de meio cruel; impossibilidade de defesa da vítima e feminicídio – que é quando a vítima é assassinada por ser mulher.

CONCORRA A UMA BOLSA DE ESTUDOS DE 100% POR 1 ANO NO PRESENCIAL OU EAD DA MULTIVIX, A MELHOR FACULDADE DO ESPIRITO SANTO ESTÁ AGORA EM VITÓRIA DA CONQUISTA.
CLIQUE AQUI PARA CONCORRER

NÃO SE ESQUEÇA DE COMPARTILHAR ESTA PÁGINA↪
Botão Voltar ao topo