DESTAQUEPolítica

Prefeitura de Conquista confirma adesão à Policlínica Regional; será o fim da ‘novela’?

Segundo site oficial da Prefeitura de Vitória da Conquista, “os municípios de Vitória da Conquista e Itapetinga vão aderir à Policlínica Regional de Saúde de Vitória da Conquista”. Os prefeitos das duas cidades, Herzem Gusmão e Rodrigo Hagge, anunciaram, na manhã desta segunda-feira (01), que a assinatura do termo será realizada ainda este mês de abril.

Mesmo com restrições, o prefeito de Conquista confirmou que a cidade integrará o consórcio, “Temos restrições pontuais à policlínica, mas o Município fará a adesão. Nós estaremos fiscalizando para que este equipamento não seja usado como instrumento político-partidário. Desejamos que a policlínica funcione muito bem”, declarou Herzem Gusmão.

O imbróglio da Policlínica se arrasta por mais de ano. Neste período, varias vezes o prefeito foi e voltou na decisão de aderir ao Consórcio.

O caso teve grande repercussão quando o BConquista divulgou, no final de dezembro de 2018, o áudio bombástico (veja matéria aqui) em que Herzem recorre a termos chulos para se referir a policlínica; ao prefeito de Belo Campo (Presidente do Consórcio), José Henrique Tigre (Quinho) e a presidente do Conselho Municipal de Saúde de Vitória da Conquista, Monalisa Barros.

“Porque que não bota lá, essa porra dessa policlínica, em Belo Campo?”

“A prefeitura bota recurso pra um bosta daquele. Rapaz… Ah!”

“Manda Quinho [prefeito presidente do consórcio] pra puta que o pariu!

Parece que dessa vez o alcaide conquistense irá aderir ao que ele chama de “porra dessa policlínica”, presidida pelo prefeito que ele mesmo disse que mandasse “para puta que o pariu”. Ouça o áudio, sem censura, em que o prefeito Gusmão Pereira demonstra o que realmente pensa da Policlínica e seus motivos e entenda o caso.

Fonte: Blitz Conquista

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar