PolíticaVitória da Conquista

Vereador Valdemir reforça denúncia sobre falta de transporte escolar e critica incapacidade técnica da prefeitura para fazer a licitação

Na manhã desta terça-feira (9), o vereador Valdemir Dias esteve no Programa Redação Brasil, na Brasil FM, para reforçar a denúncia sobre a falta de transporte escolar em Vitória da Conquista. Como já noticiado pelo BConquista,  as escolas da zona rural tiveram o retorno do recesso, que estava previsto para essa segunda (8), adiado devido à falta de ônibus escolar. Será necessário esperar que uma nova licitação seja realizada para que o serviço de transporte de alunos volte a acontecer.

Valdemir frisou que já havia alertando a administração municipal sobre a necessidade uma nova licitação para o transporte escolar. “Desde 2017 estamos debatendo isso, realizamos audiência pública, chamamos o governo para conversar”, contou. Ele explicou que a prefeitura estava utilizando uma licitação de 2013; no entanto, o prazo de vigência é no máximo 60 meses. “Ao assumir a prefeitura, o novo Governo já tinha que estar atento a isso e fazer um planejamento”, disse.  “Em 2017 houve problemas com o transporte escolar, em 2018 também, e agora no terceiro ano de governo ainda se arrasta o problema”, indignou-se.

O BConquista também antecipou que a falta de licitação acarretaria maiores complicações. Mesmo assim, a prefeitura não foi capaz de se planejar e evitar o problema. Para manter o serviço de transporte escolar, a prefeitura estava utilizando apenas contratos emergenciais, mas recentemente foi notificada pelo Tribunal de contas e obrigada a cancelar as contratações.

Durante a entrevista, Valdemir também chamou a atenção para o uso abusivo de contratações emergenciais: “Não dá mais para ficar fazendo contrato emergencial; como o nome diz é uma contingência, uma emergência. Já o transporte escolar é algo recorrente, acontece o ano todo, precisa estar no planejamento”, disse. “Nesse caso, a única emergência é que o governo não consegue fazer uma licitação”, disparou.

Valdemir ainda completou dizendo que “a prefeitura não consegue fazer a licitação por incapacidade técnica e  devido as constantes mudanças na Secretaria de Educação”. “Já passaram vários secretários e temos informações que já está no sexto coordenador de transporte escolar”, pontuou. “Não cabe mais para uma cidade como Vitória da Conquista continuar no amadorismo”, afirmou.

Cerca de 15 unidades de ensino que estão sendo afetadas pela falta de transporte são as escolas nucleadas que estão recebendo os alunos de unidades menores que, segundo o governo, não tinham condições de continuar funcionando devido aos gastos para o município. “Imagina só,  há alguns dias atrás eles queriam, por exemplo, fechar as escolas do Campo Formoso e transferir para o Iguá. Se tem transporte para a demanda que já existe, imagina agora querendo criar novas linhas?”, indagou o vereador.

Fonte: blitzconquista.com.br

CONCORRA A UMA BOLSA DE ESTUDOS DE 100% POR 1 ANO NO PRESENCIAL OU EAD DA MULTIVIX, A MELHOR FACULDADE DO ESPIRITO SANTO ESTÁ AGORA EM VITÓRIA DA CONQUISTA.
CLIQUE AQUI PARA CONCORRER

NÃO SE ESQUEÇA DE COMPARTILHAR ↪
Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar